Glorious PC gaming master race vs. dirty console gaming peasants
  • 1
  • 354
  • 355
  • 356
  • 357
  • 358

 Salieri
  •  29638 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Acabei de zerar Dying Light. Tinha parado na metade porque tava focando só no Cyberpunk, mas depois que zerei esse consegui voltar a jogar o DL. Jogo bem divertido, e quanto mais você evolui o personagem e pega umas armas novas, vai ficar mais divertido matar os zumbis.

    Agora quero começar o The Following no final de semana, dizem que evoluiu bastante coisa desse original.

     Mota Offspring
  •  54998 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Imagem

    Muito legal, um dos que eu mais gostei dentre todos os adventures da lucas arts, eu achei que provavelmente eu ia ficar ainda mais perdido do que já fico com 3 personagens diferentes segurando itens, mas até que consegui terminar ele sem muita ajuda de guia (impossível zerar esses jogos sem alguma ajuda de leve pelo menos). Gostei muito do tema de viagem no tempo

     JLucasRJ
  •  22306 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Imagem

    1 - 9/10

    Muito bom, bem souls-like mesmo. Boa história, bom gameplay. Tem que tomar um certo cuidado pra não cagar e pegar o final neutro, que foi o que eu fiz.
    O true ending é bem melhor.

    Vale a pena pra quem gostar do gênero.

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Terminei hoje o primeiro Yooka-Laylee, no Switch. Embora obviamente tenha sofrido um pequeno downgrade em relação às versões de PS4 e Xbox, até que é um bom port, otimizaram bem pro Switch.

    Imagem

    O jogo não foi tão bem recebido quanto se esperava, mas acho que é mais pelo tipo de jogo que hoje em dia não é tão popular. Como eu sempre gostei dos jogos de plataforma com milhares de coletáveis no N64, curti bastante, é o Banjo-Threeie que nunca existiu. Na verdade é Banjo até demais, sabemos que foi feito pelos mesmos caras que fizeram o jogo do N64 mas eles não tiveram vergonha em "homenagear" tanto, até a fonte dos textos é a mesma. A forma com que os personagens falam fazendo ruídos estranhos é a mesma, o fato de serem dois personagens principais grudados é igual, em BK o coletável principal são peças de quebra cabeça, em YL são páginas, no antigo espalhadas pelas fases eram notas musicais, no novo são penas, no N64 cada fase tinha cinco Jinjos escondidos, agora são cinco fantasmas, em Banjo havia o feiticeiro que fazia transformações em cada fase, agora temos uma cientista que faz o mesmo. É basicamente um "sprite hack", mal utilizando o termo, de Banjo.

    São apenas cinco mundos, com 25 páginas em cada uma, mas eles são enormes. Uma coisa original, aliás, está relacionada a isso. Quando você entra pela primeira vez no mundo, ele tem um certo tamanho, mas depois que você encontra uma determinada quantidade de páginas pode expandi-lo, fazendo com que fique bem maior. O primeiro mundo depois de expandido é um dos maiores que eu já vi em um jogo de plataforma 3D. Eu acharia melhor se fosse mais mundos porém menores, pra variar mais, pois acaba passando-se muito tempo em um mesmo local.

    Foi uma boa experiência, um toque retrô bem executado. Agora é ir atrás da sequência, que dessa vez homenageia Donkey Kong Country, e dizem que é ótimo.

     Kar
  •  36600 posts
  •  

    Avatar do usuário

    1 - Quantum Break

    Muito bom, achei bem melhor que o supervalorizado Alan Wake que vocês adoram. Podem me negativar, babacas!

     Salieri
  •  29638 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Salieri escreveu: Acabei de zerar Dying Light. Tinha parado na metade porque tava focando só no Cyberpunk, mas depois que zerei esse consegui voltar a jogar o DL. Jogo bem divertido, e quanto mais você evolui o personagem e pega umas armas novas, vai ficar mais divertido matar os zumbis.

    Agora quero começar o The Following no final de semana, dizem que evoluiu bastante coisa desse original.
    Zerei o The Following esses dias. Achei legal, a adição do carro é bem divertida, o mapa mais aberto é bem diferente do jogo original e tem umas armas novas legais. Mas sinceramente, depois de um tempo eu já tava meio cansado de ter que ficar indo de um lado pro outro do mapa.

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Killer Instinct Gold no N64, esse eu não jogava há anos mas estava com o console ligado, vi o cartucho, então por que não né?

    Imagem

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Mota Offspring escreveu: porque seu n64 tava ligado sem cartucho?
    wat

    E onde eu disse que estava ligado sem cartucho? O fato de que ele estava ligado e não estava com esse cartucho especificamente não significa que estava sem nenhum, existem algumas centenas de outros jogos além desse, aliás :lol:

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Kar escreveu: 2 - Full Throttle Remastered
    Parabéns por ter terminado o melhor jogo (originalmente) de PC de todos os tempos :emocao:

     Mota Offspring
  •  54998 posts
  •  

    Avatar do usuário

    overday escreveu:
    Mota Offspring escreveu: porque seu n64 tava ligado sem cartucho?
    wat

    E onde eu disse que estava ligado sem cartucho? O fato de que ele estava ligado e não estava com esse cartucho especificamente não significa que estava sem nenhum, existem algumas centenas de outros jogos além desse, aliás :lol:
    foi uma tentativa bosta de fazer uma piada, era 4 da manhã já :bigode:

     Mota Offspring
  •  54998 posts
  •  

    Avatar do usuário

    overday escreveu:
    Kar escreveu: 2 - Full Throttle Remastered
    Parabéns por ter terminado o melhor jogo (originalmente) de PC de todos os tempos :emocao:
    mas day of the tentacle é superior :girl: :girl: :girl:

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Mota Offspring escreveu:
    overday escreveu:
    Mota Offspring escreveu: porque seu n64 tava ligado sem cartucho?
    wat

    E onde eu disse que estava ligado sem cartucho? O fato de que ele estava ligado e não estava com esse cartucho especificamente não significa que estava sem nenhum, existem algumas centenas de outros jogos além desse, aliás :lol:
    foi uma tentativa bosta de fazer uma piada, era 4 da manhã já :bigode:
    Acontece :lagrimas:

    Mota Offspring escreveu:
    overday escreveu:
    Kar escreveu: 2 - Full Throttle Remastered
    Parabéns por ter terminado o melhor jogo (originalmente) de PC de todos os tempos :emocao:
    mas day of the tentacle é superior :girl: :girl: :girl:
    Por que você quer ser banido amg?

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Acabei de terminar o modo história do Dead or Alive 5. Comprei esse jogo há uns 2 anos e tinha parado no meio do modo história porque ele é muito longo e sem sentido, são 72 capítulos onde tentam mostrar acontecimentos com todos os personagens então não segue uma linha do tempo linear, fica indo e voltando, além do enredo central não fazer muito sentido, envolve criação de um clone da Kasumi por uma organização secreta ou algo assim, confesso que em determinado ponto eu desisti de tentar entender, maior viagem. Mas enfim, zerado.

    Imagem

    (por alguma razão o jogo bloqueia screenshots do console durante o modo história)

    Eu nem gosto tanto de jogos de luta 3D mas comprei na época quando descobri que a Mai, personagem da SNK, era um DLC desse jogo. Porra, como não pensaram nisso antes, DOA sempre foi um jogo sobre peitos, então que personagem casaria melhor com essa temática do que a Mai?

    Imagem

    Ela ficou muito maneira no jogo, nem nos jogos da própria SNK ela já foi modelada tão bem, e tem todos os golpes clássicos :emocao:

    Imagem

    Imagem

    Imagem

    O jogo é velho mas recebeu um patch de melhoria quando o Xbox One X saiu então até que ele fica bonito.

    PS: Além da Mai, o jogo tem também a participação especial de quatro lutadores de Virtua Fighter: Akira, Jacky, Sarah e Pai.

    Imagem

     Kar
  •  36600 posts
  •  

    Avatar do usuário

    3 - Hellblade: Senua's Sacrifice

    Que bosta hein?!

    Espero que o 2 mude MUITO, porque se for a mesma pegada...

     Maikson
  •  9991 posts
  •  

    Avatar do usuário

    1 - Mega Man X2

    É um pouco mais chato do que eu me lembrava, alguns chefes irritantes com invencibilidades e também precisei recorrer um pouco ao Youtube porque tinham segredos bem escondidos.

    Tinha dado uma encostada no Legacy Collection no Steam, mas vou retomar, X3 e X4 eu gosto bastante 8-)

     overday
  •  20742 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Acabei de terminar o modo journey (que é a "campanha" do Tetris Effect jogando todas as fases pelo PlayStation VR. O bagulho é doido, psicodélico pra cacete. De todos os jogos o mais improvável para receber uma versão em realidade virtual seria Tetris mas mesmo assim eles conseguiram fazer algo bem legal, enquanto o jogo propriamente dito é o Tetris que todos conhecem, a imersão do VR contribui bastante para manter o foco no jogo (ao mesmo tempo em que os cenários mudando e com coisas passando pela tela o tempo todo acabam distraindo).

    Esse modo journey consiste em uma sequência de umas 25 fases, cada uma com uma temática, e para passar à seguinte é necessário completar 36 linhas. A cada linha completada mais coisas vão surgindo no cenário, assim como os movimentos feitos com as peças vão mudando a música também. A cada 1/3 do objetivo (ou seja, ao completar 12 e 24 linhas) a velocidade muda abruptamente. Às vezes a fase começa em uma velocidade lenta, pula para bem rápido na linha 12 e volta para mais devagar na 24, às vezes começa rápido e depois diminui, às vezes só aumenta na 12 e na 24 de novo, etc. Nas últimas fases o negócio fica tenso, já começa rápido e a cada mudança fica ainda mais rápido. Na fase final são 90 linhas a completar e não 36, com mudanças de velocidade na 30 e na 60. As últimas trinta linhas a completar são bem complicadas porque a velocidade na linha 60 vai a 13, que é maior, então não dá tempo de raciocinar e é puro reflexo. Eu completei a nonagésima linha quando estava quase no topo da tela, confesso que achei que não ia conseguir, se perdesse ali no finalzinho eu ia ficar deveras puto.

    Imagem

    Já há um bom tempo eu estava curioso pra ver como era jogar esse jogo no PSVR e gostei, uma boa pedida pra quem quer experimentar alguma coisa em VR mas é fraco para cinetose já que o seu "personagem" não anda no jogo então é impossível ficar enjoado. Ou você pode se encher de LSD e jogar Tetris do Game Boy, provavelmente vai ser uma experiência parecida.

    O jogo não tem um final bonitinho pra tirar uma foto, só algumas coisas psicodélicas pela tela antes de virem os créditos, então esse planeta Terra aí que aparece em determinado momento fica como registro do jogo finalizado rs...

    Imagem

    Imagem

     Salieri
  •  29638 posts
  •  

    Avatar do usuário

    Imagem

    Resident Evil 3. Eu não lembrava quase nada do jogo original, então foi legal revisitar esse jogo. Gostei.
    • 1
    • 354
    • 355
    • 356
    • 357
    • 358

    MENSAGENS RECENTES

    Essa deu sorte pelo visto :rimbuk: https://i.ib[…]

    Mulheres que decidem ter filhos sozinha é u[…]

    Estou recebendo bastante mensagens num núme[…]

    É HJ! https://pbs.twimg.com/media/Esa73BY[…]



    O melhor conteúdo: seguro, estável e de fácil manutenção, desde 2012